#ainternet
queagente
quer_o dilema dos dados

 

imagem grande
imagem pequena

Escute este conteúdo:

“O dilema da privacidade está presente todo o tempo em que estamos conectados. Estar conectado significa ter um endereço de IP, ter um endereço significa produzir dados. ‘O que eu quero, Mario Alberto?!’ Um modelo de negócio que não faça da minha privacidade uma moeda de troca. Quero saber como as coisas funcionam debaixo dos panos!
⠀⠀⠀⠀
‘Cookie? Sim, por favor!’ Não é biscoito no Instagram, é navegar na internet e ter um rastreador agarrado a cada página visitada, ser etiquetado como uma mercadoria, a cada clique, deixando um rastro digital.
⠀⠀⠀⠀
Te pergunto: sua privacidade é uma moeda justa? Você pensa ‘Sei lá, eu não tenho nada a esconder’? Esse é o problema. Geramos dados, é um fato. Mas sabia que além dos dados coletados sobre nós, geramos uma coisa chamada de metadados? Que literalmente são dados sobre os dados? Com o passar do tempo, os dados ficam mais ‘ricos’, possibilitando prever de comportamentos, direcionar gostos e inclusive influenciar a opinião pública, colocando na mão de poucos o poder de direcionar o curso das coisas na vida real.

1012colunistas_3

Se nós equipados com algum tipo de letramento digital não compreendemos bem o que está acontecendo, quem dirá uma criança ou uma pessoa de mais idade. Tenho uma sobrinha de 5 anos que ama assistir vídeos na internet. Na era dos algoritmos e da inteligência artificial, ela já possui um enorme rastro digital, assim como eu e você, com seus gostos, histórico de uso, tipos de conteúdo que ela mais assistiu, horários em que ela é autorizada a utilizar o smartphone/tablet (o tal do metadado) armazenados em bancos de dados por aí.
⠀⠀⠀⠀
Estou do seu lado. Amo a internet. Cresci no online, hoje a internet é minha plataforma de trabalho e, em tempos críticos como a pandemia, ela deve ser fortalecida, aberta e livre. Mas ainda precisamos ter algo diferente de ‘Li e aceitei termos’, ‘Usou? Concordou!’. Hoje é tudo (meus dados) ou nada (sem acesso).

Coluna do @blckjzz para a @contente.vc:

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *